Mídia ideológica: eu quero uma pra viver?

A mídia apresenta apenas a verdade ou ela distorce fatos? E, se há esta distorção, por que acontece?

se você ler sobre a crise global na Veja, na Época e na Carta Capital, verá que as três revistas tratam o tema de maneira diferente. Será que apenas uma fala a verdade e as outras mentem?

Na verdade não é bem, assim. Se você ler a Veja com esse mesmo tema, verá que esta tem uma posição mais de direita, como se defendesse o capitalismo e estimulasse a população a não se preocupar. Já a Época passa que o lado ruim da crise do capitalismo, e mostra o que vai acontecer com este segundo economistas e sociólogos esquerdistas, enquanto a Carta Capital é neutra, explicando o que é a crise e como surgiu, não apoiando nenhum lado, já que é uma revista para educadores e alunos.

Outro fato interessante é quando acontece algo na política de um país que envolve, na maioria das vezes, dinheiro e salários. A mídia repentinamente superexpõe um tema, explorando-o atá a euxastão, e pára de passar notícias sobre este determinado tema financeiro. Por exemplo, ano passado a mídia superexplorou o assunto sobre o BBB - o que acontecia com as pessoas, quem era "eliminado", etc. Mas depois que este parou de circular, os políticos estavam (misteriosamente) com os salários mais altos. Haverá alguma relação? Talvez nunca saberemos...

Este fato de haver pequenas diferenças entre notícias e meios de comunicação é chamado "inprensa amarela". Mas este suposto fato de acobertamento da mídia ainda não tem nome.

E Então? Ainda vale a pena ver a notíocia apenas uma vez ou é melhor sempre correr atrás de atualizações e fontes alternativas?

The End

0 comments about this story Feed