Vertente da mídia: espaços "roubados".

Como consequência de algumas artimanhas utilizadas pela mídia, principalmente a da internet, é perceptível a perda de espaços na veiculação de notícias.

O fato, por exemplo, da internet ser mais acessível a todo tipo de público e por ser de caráter mais instantâneo, faz com que a mídia propagada pela Tv, rádio e jornais, principalmente, perca seu espaço, obrigando estes meio de comunicação a inovar e tentar, de diversas maneiras, manter sua audiência.

Para que tal audiência seja mantida, podemos perceber que os jornais optam por focar suas notícias em um público mais intelectualizado, utilizando para isto, uma linguagem mais culta e científica e objetivando o conteúdo das mesmas ao proposto.

Somente a título de comparação, ao observarmos a reportagem do jornal Vale Paraibano " Brasil acompanha 30 casos de nova gripe" e " Ministério confirma 9º caso de gripe suína no Brasil", é notável a diferença na forma de tratar a doença( no caso do jornal é feita uma análise da virose mais científica e menos pessimista), ou seja, há a preocupação em se manter o público alvo .

Assim, podemos concluir que a mídia é de fundamental importância para  que possamos nos manter atentos ao eventos mundiais, porém, para que não sejamos enganados por certas mascáras presentes nos noticiários, devemos estar conscientes da existência destas e procurarmos fontes confiáveis.

 

Bibliografia:

 

Reportagem disponível:

Jornal Vale Paraibano, 10 de maio de 2009 ; Caderno: Nacional.

The End

0 comments about this story Feed